Publicado em A Oração da Manhã

A Palavra de Deus para esta manhã


orandoTu não és um Deus que tenha prazer na injustiça; contigo o mal não pode habitar. Os arrogantes não são aceitos na tua presença; odeias todos os que praticam o mal. Destróis os mentirosos; os assassinos e os traiçoeiros o Senhor detesta. Eu, porém, pelo teu grande amor, entrarei em tua casa; com temor me inclinarei para o teu santo templo.
Salmos 5:4-7

“Pai, nesta manhã me apresento na Sua Presença. Peço que me ajude a não praticar injustiças neste dia. Retire o mal que possa estar na minha vida, ou  possa me corromper nos meus relacionamentos com os próximos durante este dia. Retire do meu caráter toda arrogância, toda mentira, toda maldade e ensina-me com a Sua Graça e com o Seu amor a viver em santidade. Por isso, de joelhos me inclino na Sua Presença. Em Nome de Jesus. Amém”

Pastor Derville

Anúncios
Publicado em A Oração da Manhã

A Palavra de Deus para esta manhã


orando

Escuta, Senhor, as minhas palavras, considera o meu gemer.
Atenta para o meu grito de socorro, meu Rei e meu Deus, pois é a ti que imploro.
De manhã ouves, Senhor, o meu clamor; de manhã te apresento a minha oração e aguardo com esperança.
Salmos 5:1-3

Pai, estou Lhe buscando logo pela manhã tal como o salmista. Sei que o Senhor está escutando a minha oração, por isso Lhe busco e oro. Minha alma geme. Meu coração dispara. As lágrimas querem se derramar, mas eu lhas prendo. Um nó na minha garganta, um choro preso. Eu clamo sua ajuda para mim. Muitas vezes eu oro pelas outras pessoas, mas hoje não. Nesta manhã clamo por socorro. Vem socorrer a minha vida espiritual. Aumente a minha fé no Senhor. Me ajude a ser Seu servo. Me ajude a ser Seu súdito. Me ajude a me despojar da centralidade no meu “eu”. Ajuda-me a confiar na Sua vontade sobre a minha vida. Oro, clamo, imploro e aguardo pela sua resposta. Em Nome de Jesus. Amém

Pastor Derville

Publicado em Estudos Bíblicos

A Oração gera mais fé!!!


ORAÇÃO DA FÉ POR SI MESMO

fonte: http://www.igrejamana.com/estudos/mensagens/oracao_fe.html
1 – O QUE É ORAR?

Orar é falar com Deus. Oração é uma conversa nos dois sentidos: nós falamos com Deus e Deus fala connosco.

Qual é a razão que nos leva a orar?

Devemos orar, para termos comunhão com Deus. O que é que você pensaria, se o seu filho só viesse a casa para lhe pedir dinheiro, comer, dormir e nem sequer se desse ao trabalho de passar tempo consigo?

Ora é isso mesmo que muito cristão faz com Deus. Ele é o nosso Pai, e alguns cristãos só vêm à Sua presença, para Lhe pedir coisas.

“Ó Deus cura o meu filho, o meu sobrinho, o meu colega.”

“Ó Deus dá-me mais dinheiro …”

“Ó Deus transforma o meu filho, faz dele um rapaz estudioso …”

E depois, nunca se dão ao trabalho de ter comunhão com Deus, quando Deus vai para lhes falar, já se foram embora.

Quando duas pessoas andam em “comunhão”, elas têm algo em “comum”: conhecem-se uma à outra.

Se você não tem comunhão com Deus, então, Deus também não tem comunhão consigo, e isto significa que não se co-nhecem um o outro.

Ter comunhão com Deus consiste em:

* passar tempo a ler e a meditar na Palavra de Deus (a Bíblia): a Bíblia é a revelação da Vontade de Deus;

* louvar a Deus, elogiá-Lo por aquilo que Ele é;

* passar tempo a ouvir de Deus, para receber orientação para a sua vida, etc.

2 – TIPOS DE ORAÇÃO

Há vários tipos de oração:

2.1- ORAÇÃO DA FÉ POR SI MESMO

Tipo de oração baseada em Marcos 11:24 :

“Por isso, vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis, e tê-lo-eis”.

2.2 – ORAÇÃO DE ACÇÃO DE GRAÇAS, LOUVOR E ADORAÇÃO

Este tipo de oração é essencialmente baseada no Salmo 100:

“Entrai pelas portas d´Ele com louvor e em seus átrios com hinos; louvai-o e bendizei o seu nome porque o Senhor é bom, e eterna a sua misericórdia e a sua verdade se estende de geração em geração”.

Louvá-Lo por aquilo que Ele fez por nós.

Adorá-Lo por quem Ele é.

2.3 – ORAÇÃO DE CONSAGRAÇÃO E DEDICAÇÃO

É o tipo de oração que está baseado em Mateus 6:9-13

“Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás no céu, santificado seja o teu nome; Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; O pão nosso de cada dia nos dá hoje; E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores; E não nos induzas à tentação; mas livra-nos do mal; porque teu é o reino, e o poder, e a glória, para sempre. Amén”.

Através deste tipo de oração dizemos a Deus que nos separamos de tudo e nos entregamos a Ele, para que a Sua vontade se cumpra em nós.

2.4 – ORAÇÃO NO ESPÍRITO

Depois do baptismo no Espírito Santo com a evidência de falar em novas línguas, ficamos aptos a falar directamente com Deus, de espírito para Espírito.

I Coríntios 14:2-4 – “Porque, o que fala língua estranha não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala de mistérios. Mas, o que profetiza fala aos homens para edificação, exortação e consolação. O que fala em língua estranha edifica-se a si mesmo; mas o que profeti-za edifica a igreja.”

I Coríntios 14:14 – “Porque, se eu orar em língua estranha, o meu espírito ora, mas o meu entendimento fica sem fruto”.

2.5 – ORAÇÃO DE INTERCESSÃO

Tipo de oração em que se intercede por alguém ou por algum assunto, e é baseada em Romanos 8:26, 27:

“E, da mesma maneira, também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir, como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós, com gemidos inexprimíveis.

E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que, segundo Deus, intercede pelos santos.”

2.6 – ORAÇÃO DE CONCORDÂNCIA

Este tipo de oração baseia-se em Mateus 18:18:

“Em verdade vos digo que tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes na terra será desligado no céu.”

2.7 – ORAÇÃO DE ENTREGA DE PROBLEMAS

Este tipo de oração é baseada em I Pedro 5:7: – “Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”.

Consiste em depositarmos o problema aos pés de Jesus, e uma vez entregue, o problema já não me pertence, mas está totalmente entregue aos cuidados de Jesus.

É importante notar que, cada um destes tipos de oração se baseiam em certos versículos que funcionam como as regras dos jogos desportivos; para cada jogo tem que se saber e utilizar as respectivas regras para se obterem os melhores resultados.

Por exemplo: eu não posso jogar futebol utilizando as regras de ténis ou basquetebol, porque não vai funcionar. Para jogar futebol da melhor maneira tenho que saber e aplicar as regras futebol.

3 – ORAÇÃO DA FÉ POR SI MESMO

É quando pedimos algo a Deus, por nós próprios. Este tipo de oração está baseado em Marcos 11:24:

– ” Por isso vos digo, que tudo o que pedirdes, crede que o recebestes, e tê-lo-eis “.
OITO PASSOS PARA RECEBER A RESPOSTA À SUA ORAÇÃO

1) Decida e seja específico naquilo que quer de Deus.

2) Procure uma passagem bíblica que lhe prometa aquilo que quer pedir a Deus.

3) Antes de pedir, medite nessas promessas.

4) Faça a oração ao Pai, no Nome de Jesus.

5) Acredite que recebe a resposta, no momento em que orou.

6) Enquanto espera pela materialização do pedido, louve a Deus.

7) Recuse-se a duvidar.

8) Continue a meditar nas promessas bíblicas, que usou.

Este tipo de oração, funciona sempre para si, e claro, de acordo com a sua fé. Mas, tome nota: quando você usa este tipo de oração para outras pessoas, pode ou não funcionar, porque, também envolve a fé dessas pessoas.

Exemplo: é o caso de alguém orar por um amigo, familiar, etc. Você sabe se essa pessoa quer alguma coisa com Deus? Sabe se ela quer que você ore por ela? No caso de ela não querer, a sua oração não valeu de nada. Caso contrário, faríamos a oração da fé, pelo mundo inteiro, e todos ficariam salvos.

Você não pode fazer a oração da fé pelos outros, mas pode interceder, destruindo as fortalezas de satanás, nas mentes dessas pessoas, e para que Deus lhes ilumine os olhos do entendimento da verdade e sejam salvos.

1) SEJA ESPECÍFICO

Ex: “Senhor, dá-me um automóvel”.

Deus perguntar-lhe-ia: “Que marca, que modelo?”

Imagine que você vai ao talho e diz: “Senhor Silva, dê-me um kilo de carne”.

O senhor Silva, ia perguntar-lhe: “Que género de carne quer?”

Marcos 10:46-52

Jesus ia a entrar na cidade de Jericó, quando passou por um cego, que gritou:

– ” Tem misericórdia de mim e ajuda-me.” Ao que Jesus lhe perguntou:

– “O que queres de mim?” Foi então que o cego lhe falou específicamente:

– “Senhor, que eu tenha vista”. Então Jesus curou-o.

Repare que Jesus sabia muito bem o que o cego precisava, mas Jesus só respondeu quando ele foi específico, e não quando disse: “Tem misericórdia de mim”.

Seja sempre específico naquilo que pedir a Deus.

2) PROCURE UMA PROMESSA

Deus só é responsável em cumprir as Suas promessas, e que estão descritas na Bíblia.

Jeremias 1:12 – “…eu velo sobre a minha Palavra, para a cumprir”.

Deus só lhe responderá, se aquilo que você pedir, estiver de acordo com a Vontade d’Ele. Toda a Vontade de Deus, está descrita na Bíblia. Então, é lá que você tem de procurar a Sua promessa.

I João 5:14-15 – “E esta é a confiança que temos nele, que se pedirmos alguma coisa, segundo a Sua vontade, Ele nos ouve. E, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que alcançamos as petições que lhe fizemos”.

3) ANTES DE ORAR MEDITE NAS PROMESSAS

Romanos 10:17 – “De sorte que a fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela Palavra de Deus”.

Como Deus só responde a uma oração de fé, e como fé só vem pelo ouvir a Palavra de Deus, então antes de fazer o pedido a Deus, você precisa meditar muitas vezes nos versículos bíblicos que prometem o que você quer de Deus. Só assim terá fé para esse assunto e então Deus lhe responderá.

João 15:7 – “Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras es tiverem em vós, pedireis tudo o que quizerdes, e vos será feito”.

Como se vê, não basta receber Jesus como Salvador. É necessário ter o coração cheio da Palavra de Deus. Só então, Deus responderá ao seu pedido.

4) FAÇA O PEDIDO AO PAI EM NOME DE JESUS

O modo oficial de se pedir alguma coisa a Deus, é fazer o pedido ao Pai, em Nome de Jesus.

João 16:23 – “E naquele dia, nada me perguntareis. Na verdade, na verdade vos digo que tudo quanto pedirdes a meu Pai, em meu nome, Ele vo-lo há-de dar.”

Na língua original, no grego lê-se: “E naquele dia, nada me pedireis …”

Jesus ainda não tinha sido glorificado, “naquele dia…”. Ele refere-se aos dias de hoje, em que Ele está sentado à direita de Deus o Pai, e já abriu o Caminho de acesso a Deus, já nos reconciliou com Deus.

Pedir no nome de Jesus, é o mesmo que você estar a levantar no banco do céu, um cheque assinado por Jesus (com o nome de Jesus); assim, ser-lhe–á concedido o seu pedido.

Jesus é o único que tem crédito no céu: não são os santos, anjos, e nem os já falecidos.

5) ACREDITE QUE RECEBE A RESPOSTA NO MOMENTO EM QUE OROU

Marcos 11:24 – “Por isso vos digo, que tudo o que pedirdes orando, crêde que o recebestes, e tê-lo-eis”.

A Fé não é sómente acreditar no que Deus promete, a Fé acredita e recebe também.

A Fé é como quem:

1- semeia uma semente no solo

2- rega e espera que cresça

3- então ceifa

1 – O acto “de acreditar que recebe a resposta à oração no instante que orou”, é equivalente a semear a semente no solo.

2 – O tempo de espera é equivalente ao crescimento da semente, quanto mais regar (louvar a Deus pela resposta), mais rápido será o seu crescimento.

3 – O acto de ver a resposta, é equivalente à ceifa.

Vou dar um exemplo duma Oração de Fé. Suponhamos que alguém está doente, e vem a Deus, com Fé, para receber Cura Divina:

– “Ó Deus, eu venho a Ti no Nome de Jesus. Eu estou doente e tenho este problema … mas a Tua Palavra diz que Jesus já pagou pelas nossas enfermidades.

Senhor, eu creio que RECEBO AGO-RA a minha Cura Divina, no Nome de Jesus, Amén!”

A manifestação física da sua Cura pode demorar um minuto, uma hora, um dia, uma semana ou o tempo que fôr. Todo o Reino de Deus é como o agricultor que semeia uma semente e espera que ela cresça.

Assim é com a Cura Divina, ou seja o que fôr que tiver pedido a Deus. Vai ter que esperar até “ver” a resposta “chegar” a si.

O que fazer durante o tempo de espera? Deve louvar a Deus todos os dias, pela resposta. Por exemplo:

– “Obrigado Pai, porque já recebi a minha Cura, por isso estou curado. Ó Deus, eu posso “não me ver” curado, posso “não me sentir” curado, mas eu não ando pelas vistas, mas ando pela Fé. Por isso Te louvo porque pelas pisaduras de Jesus JÁ ESTOU CURADO. Amén!”

6) ENQUANTO ESPERA PELA MATERIALIZAÇÃO DO PEDIDO, LOUVE A DEUS

Não peça duas vezes a mesma coisa a Deus, porque isso não é fé (pedindo segunda vez). Você estaria a dizer a Deus, que afinal não acreditou que recebeu da primeira vez. Se fizer isto mais que uma vez, então quando é que Deus vai saber que você acreditou?

Romanos 4:17 – “… E chama as coisas que não são, como se já fossem”.

Quando você louva a Deus pela res-posta, está a falar de coisas que não são, como se já fossem. Isto é fé, e é a fé que vai materializar o seu pedido.

7) RECUSE-SE A DUVIDAR

É precisamente, no tempo de espera, que o diabo mais gosta de atacar, lançando pensamentos de dúvida à sua mente:

– “Será que estou curada?”

– “Mas eu não vejo nada?!”

– “Mas eu não sinto nada?!”

Tiago 1:6, 7 – “Peça-a, porém, com fé, não duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte. Não pense tal homem que receberá do Senhor alguma coisa”.

O que fazer? ( Tiago 4:7 ) “Sujeitai-vos a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós”.

Resista ao diabo falando a Palavra de Deus (versículos bíblicos):

– “Diabo, está escrito: “Resisti ao diabo e ele fugirá de vós”. As dúvidas não vêm de Deus e eu recuso-me a duvidar: Satanás, no nome de Jesus, vai-te embora porque eu já acreditei que recebi aquilo que pedi a Deus, por isso eu sei que isso vem a caminho”.

8) CONTINUE A MEDITAR NAS PROMESSAS

Josué 1:8 – ” Não se aparte da tua boca o livro desta lei, antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo o que nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e então prudentemente te conduzirás “.

À medida que meditar e falar esses versículos bíblicos, está a lembrar a Deus as suas promessas, O qual não falhará em cumpri-las.

Veja-se a si mesmo com aquilo que pediu a Deus.

Faça planos de acordo com isso.

Não esmoreça, nem perca o ânimo.

Lembre-se que a vontade de Deus, é que tudo aquilo que você pedir, receba, para que a sua alegria seja completa.

João 16:24 – “… pedi, e recebereis para que o vosso gozo seja completo”

Publicado em Estudos Bíblicos

Como Reconhecer uma Chamada de Oração


Wesley L. Duewel

Deus poderá impressionar fortemente sua mente com alguém. Isto pode acontecer no seu período de oração ou em algum outro momento durante o dia. Se já se ofereceu a Deus e se disponibilizou, e uma determinada pessoa surge repetidamente na sua mente, é provável que seja um alerta para orar por ela. Isto pode acontecer apenas ocasionalmente, mas quanto mais perto andar com Deus e se afinar com a voz dele, mais freqüentemente Deus o usará desta maneira.

Você pode ter um pressentimento especial ou sentir apreensão de perigo ou necessidade. Vá imediatamente ao Senhor. Se for possível, pare um pouco com o que está fazendo. Enquanto orar, Deus poderá trazer à sua memória uma pessoa ou situação. Se isto não acontecer, simplesmente ore pela ajuda e misericórdia de Deus, seja qual for a necessidade.

No dia 12 de dezembro de 1939, enquanto orava pelo resultado da Segunda Guerra Mundial, senti incomodado particularmente por uma determinada situação. O Graf Spee, um navio mercantil alemão que fora convertido num navio de combate disfarçado, estava afundando muitos navios mercantis com grandes prejuízos em vidas humanas.

Naquela noite senti uma especial autoridade de Deus para pedir a sua intervenção. No dia seguinte, o noticiário do rádio anunciou que o Graf Spee estava cercado no porto de Montevidéu, no Uruguai. Depois de alguns dias, o navio foi afastado do porto e afundado. Não houve mortes, a não ser do capitão, que preferiu descer com o navio.

Provavelmente Deus tenha colocado esta mesma carga de oração sobre outras pessoas ao mesmo tempo que impressionou o meu coração. Mas tive a alegria de saber que Deus havia me dado um alerta de oração, e que depois a respondeu especificamente.

Deus pode lhe dar um senso de urgência para uma necessidade já bem conhecida. Pode ser que já tenha orado muitas vezes para uma determinada necessidade, mas agora está impressionado que Deus precisa responder sem mais nenhuma demora.

Pode ser em favor de uma cura física, a salvação de alguém, a restauração de unidade entre pessoas divididas, ou a chegada de avivamento para algum lugar. Deus pode lhe dar um sentimento geral da necessidade de orar por vários dias, e depois em algum momento orientá-lo a separar um tempo especial para oração mais urgente e prolongada.

Deus pode progressivamente aprofundar uma determinada carga de oração até transformá-la na sua tarefa permanente. Deus precisa de vigias/intercessores permanentes para igrejas, missões, cidades, nações, e ministérios. “Sobre os teus muros, ó Jerusalém, pus guardas, que todo o dia e toda a noite jamais se calarão; vós os que fareis lembrado o Senhor, não descanseis, nem deis a ele descanso até que restabeleça Jerusalém e a ponha por objeto de louvor na terra” (Is 62.6,7).

Deus está afirmando que tem designado vigias de oração. Sem dúvida, o próprio Isaías era um destes, pois ele diz no versículo 1 do mesmo capítulo: “Por amor de Sião me não calarei e por amor de Jerusalém não me aquietarei; até que saia a sua justiça como um resplendor, a sua salvação como uma tocha acesa”. Você também pode ser um dos vigias de oração.

Todo obreiro cristão de tempo integral precisa de uma equipe de oração para estar ao seu lado, cobrindo-o e fortalecendo-o com intercessão. Todo ministério cristão precisa de uma equipe que carregue o peso junto, como guerreiros de oração.

A eficácia de qualquer ministério dependerá da dedicação da equipe e do poder de oração que se mobilizar na sua retaguarda. Deus abençoará qualquer pessoa ou ministério à medida que se levantar em seu favor apoio sólido e deliberado de oração, e que os parceiros de oração forem meticulosamente informados e orientados para orar com união e objetividade.

Feliz é a pessoa ou ministério que pode contar, não só com alguns voluntários para orar quando puderem, mas com vigias/intercessores que carregam uma preocupação constante no coração, como missão permanente.

Este foi o segredo do ministério de Charles Finney, que resultou em centenas de milhares de conversões ao Senhor, e cujas reuniões em 1858-1859 foram consideradas diretamente responsáveis por um dos maiores avivamentos da história. O próprio Finney era um poderoso homem de oração, e além dele havia outros que oravam em favor do seu ministério. Nas suas famosas palestras sobre avivamento, de um total de 22, quatro tratavam do papel da oração.

Quando Finney viajava de um lugar para outro, ele era acompanhado por dois homens idosos conhecidos como Tio Clary e Tio Nash.

Quando ele foi para Inglaterra para ficar por várias semanas de reuniões especiais, estes dois homens de modestos recursos também viajaram para lá, alugaram um porão escuro e úmido por vinte e cinco centavos por semana, e permaneceram lá de joelhos, batalhando em oração. Suas lágrimas e gemidos em oração prevaleceram. Foram os vigias/intercessores de Finney.

Quando Evan Roberts foi tão poderosamente usado por Deus no grande avivamento do País de Gales em 1904-1905, havia um pequeno grupo de jovens que assumiram o papel de vigias/intercessores. Uma das minhas possessões mais prezadas é um postal de Evan a um dos jovens nesta equipe.

Este artigo foi extraído do livro Touch the World Through Prayer (Toque o Mundo Através da Oração), por Wesley Duewel.

Publicado em Campanha de Oração

Quarta semana da Campanha de Oração – “Oração de Jabez – 2010”


Estamos entrando na QUARTA semana desta campanha. E as lutas ficam mais acirradas, pois estamos derrubando grandes fortalezas! Esta semana iniciaremos o tema: “Caminhando na presença de Deus” – Que a tua mão esteja comigo …

Hoje estaremos ministrando a partir das 19h

Venha participar!

Igreja Caminhar em Cristo

Rua Marte, 777 – Sítio Cercado – Curitiba – Paraná

Deus lhe abençoe muito

Pastor Derville

Publicado em News, Videos

Campanha Oração de Jabez – 2009!!!


9 E foi Jabez mais ilustre do que seus irmãos; e sua mãe deu-lhe o nome de Jabez, dizendo: Porquanto com dores o dei à luz.
10 Porque Jabez invocou o Deus de Israel, dizendo: Se me abençoares muitíssimo, e meus termos ampliares, e a tua mão for comigo, e fizeres que do mal não seja afligido! E Deus lhe concedeu o que lhe tinha pedido.

1 Crônicas 4:9,10