Publicado em Estudos Bíblicos

Como Tornar Eficaz sua Chamada de Oração


Wesley L. Duewel

Quando Deus confia em suas mãos uma carga especial de oração, você deve aceitá-la com alegria e ser fiel nesta responsabilidade. É uma comissão especial do Senhor.

1. Dê a esta carga de oração prioridade acima de tudo o mais na sua vida. Se for possível, coloque de lado o que estiver fazendo, e entregue-se totalmente à oração em favor desta necessidade. Geralmente o tempo é um fator essencial; não demore para atender à chamada. Se não puder se dedicar imediatamente a isto, continue a orar em todo momento livre, até conseguir abandonar os outros afazeres, e se entregar à oração.

2. Prepare-se para ficar durante horas em oração. Isto nem sempre é necessário, mas seja tão diligente em oração que continuará intercedendo o quanto for necessário para receber a certeza da resposta de Deus.

Na década de 1930, um querido amigo meu que era barbeiro em Oklahoma, E.U.A., tinha muito zelo em testemunhar para o Senhor. Certa tarde, sentiu fortemente impressionado a orar pela salvação do xerife em exercício da cidade. Em seguida, fechou sua barbearia no meio da tarde, fechou as venezianas para que ninguém pudesse ver lá dentro, e foi para uma sala reservada para orar.

Durante o restante da tarde, passando pela hora de jantar, e entrando pela noite, George Sherrick orou. Quando eram umas duas horas da manhã, alguém bateu forte na porta. Ninguém sabia que George estava lá dentro naquela hora da noite. Quando foi para a porta, lá estava o xerife por quem estivera orando, sentindo forte convicção dos pecados pelo Espírito Santo. Naquela noite George Sherrick pôde conduzir aquele homem ao Senhor.

3. Ore até que Deus afaste o sentimento de urgência, ou até que receba certeza de que Deus lhe ouviu. Por volta do ano de 1949, um grupo de missionários aposentados da China, com mais alguns amigos fiéis na oração, se reuniram para orar como de costume em Adelaide, na Austrália. Uma grande carga e urgência de oração caiu sobre todos, especificamente em favor de Hayden Melsap, que estava trabalhando para o Senhor na China. Decidiram abandonar todas as introduções preliminares da reunião e ir direto para a oração.

Continuaram orando até que todos sentiram paz e alívio. Alguns anos depois, quando Hayden Melsap estava de volta por um tempo na Austrália, os missionários lhe perguntaram se recordava de algum acontecimento incomum naquela época quando oraram por ele. Para sua admiração, descobriram que naquele dia e naquela hora, Hayden e mais dois missionários foram colocados contra a parede num pátio na China, onde foram ameaçados por comunistas apontando armas em sua direção.

Exatamente quando um oficial estava para dar a ordem de atirar, o portão do pátio foi aberto e um oficial superior entrou. Chocado com o que viu, gritou: “Pare!”. Em seguida, chegou e colocou seu braço no ombro de Melsap e o conduziu junto com os outros à liberdade. Eu ouvi pessoalmente este testemunho do próprio Hayden Melsap, e tenho o relato por escrito também.

4. Deus pode orientá-lo a convocar outros para orar junto com você. Muitos milagres já foram realizados pelo Espírito Santo em resposta a uma corrente de oração, ou às orações de um grupo especialmente convocado. Muitas igrejas locais têm organizado correntes S.O.S. de oração.

Quando chega um pedido emergencial de oração, cinco ou seis pessoas são contatadas imediatamente. Cada um, por sua vez, chama a próxima pessoa na sua lista. Em questão de minutos, muitas pessoas estão em oração.

Durante a revolta Mau Mau no Quênia em 1960, os missionários Matt e Lora Higgens estavam voltando a Nairóbi uma noite, passando no meio do território do povo Mau Mau, onde muitas pessoas, tanto quenianos como missionários, já haviam sido assassinadas e desmembradas.

A uns 28 quilômetros de Nairóbi, o carro em que estavam parou. Higgens tentou consertar o carro no escuro, mas não conseguiu dar partida. Passaram a noite no carro, repetindo e crendo no Salmo 4.8: “Em paz me deito e logo pego no sono, porque, Senhor, só tu me fazes repousar seguro”. Quando amanheceu, puderam consertar o carro.

Algumas semanas depois, os Higgens voltaram para os Estados Unidos de férias. Contaram como um membro dos Mau Mau confessou que ele e mais três haviam se aproximado do carro para matar os missionários. Porém, ao ver dezesseis homens cercando o carro, fugiram atemorizados. Matt não entendeu quem eram estes homens.

Durante este período de férias, um amigo perguntou aos Higgens se haviam passado recentemente por algum perigo. E depois relatou como no dia 23 de março, Deus lhe dera uma grande urgência de orar. Ele chamou os homens da igreja, e dezesseis atenderam seu convite. Oraram até sentir certeza da vitória. Foi então que Higgens entendeu de onde apareceram os dezesseis homens que atemorizaram os assassinos Mau Mau naquela noite.

No céu, descobriremos muitos relatos incríveis de como Deus usou chamadas especiais de oração para avançar sua causa e proteger seu povo.

Este artigo foi extraído do livro Touch the World Through Prayer (Toque o Mundo Através da Oração), por Wesley Duewel.

Anúncios

Autor:

Pastor Titular da Igreja Caminhar em Cristo em Curitiba/PR - Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s