A igreja de Sardes!


Apocalipse 3:1-6

História: Sardes tornou-se uma cidade famosa por ser um importante centro industrial de produtos de lã e tinturaria. O povo da cidade era conhecido pela sua maneira luxuosa de viver. Vivia muito de aparência, um estilo fashion de vida, mais preocupados com o exterior do que com o interior. E a cidade começa a influenciar no estilo de vida da igreja.

O verso um, refere-se aos sete espíritos de Deus, é o mesmo que o Espírito Santo, e as sete estrelas é uma referência aos mensageiros de Deus (Ap 1: 20).

Jesus indica que a igreja precisava do poder reanimador do Espírito Santo e somente mensageiros cheios Dele poderiam fazer isso.

“Conheço suas obras”. Isto quer dizer que não tem como enganar a Cristo. E isso vale para nós também, podemos até fingir uma fé para os homens, simular uma vida com Deus para os irmãos. Só que jamais enganaremos a Cristo. Cristo conhece nossas obras. Como estava a igreja de Sardes? “Você tem fama de estar vivo, mas está morto”. Os irmãos em Sardes desconheciam a realidade.

Viviam numa comunidade vibrante e cheia de atividades, mas na verdade seu interior estava sem vida. Aos olhos de Deus era uma igreja morta, que precisava de um avivamento espiritual, profundo.

Você tem fama de estar vivo, mas está morto.

O equilíbrio que tanto falamos, não chegou ainda, na vida de muitos irmãos.

E, Jesus, continua falando conosco: “Conheço as suas obras, você tem fama de estar vivo, mas está morto”. E, Cristo mostra o caminho para Sardes e este é o mesmo para nós.

Verso dois, diz para ficarmos atentos, Satanás quer tirar nossa atenção, ele quer que fiquemos perdidos, focalizado em coisas superficiais, por isso irmãos, fiquem ligados.

Jesus alerta à igreja a fortalecer o que resta. Nossa igreja só vai alcançar avivamento quando fortalecermos o que restou dela. E como fortalecer o que resta?

  1. Fugindo das aparências.

Aparência. Estilo e tantas outras coisas diferentes. Uma reclamação constante é a dificuldade que as pessoas têm de construir relacionamentos profundos. E essa cultura tem atingido nossa igreja. E, Paulo fala sobre esse assunto.

Em 2Co 3:7-18. O Apóstolo faz uma comparação com a Antiga Aliança, que tinha muito haver com aparência, a forma, a estética e o ritualismo. Paulo está desafiando à igreja a construir um ministério transparente, sem véu.

Verso 16 e 17, diz que por causa da nossa conversão um véu foi retirado de nós. Cristo trouxe liberdade. Um ministério transparente revela o que realmente é, e não tem vergonha de reconhecer seus fracassos e demonstrar que somos humanos.

Quem vive de aparências engana-se a si mesmo, pois nossas aparências não têm força para superar as dificuldades. Se sonharmos com o fortalecimento do que restou, vamos começar retirando o véu. Reconhecendo nossa vida cristã de fachada, sem compromisso. Vamos falar mais do nosso coração, de nossas dúvidas e fraquezas. Vamos buscar um avivamento em nossos corações. Nesse momento não devemos copiar o que outras igrejas estão fazendo, pois ninguém consegue copiar o que precisamos: arrependimento genuíno, profundidade nos relacionamentos, lágrimas, quebrantamento sincero. Nós somos responsáveis para buscarmos um avivamento genuíno em nossa igreja. Vamos tirar o véu da nossa vida cristã.

  1. Buscando relacionamentos que agradam a Deus.

Jamais devemos agradar homens para fortalecermos o que resta. Somente, relacionamento centrado em Deus fortalecerá nossa fé. Leia com atenção as seguintes escrituras: João 5:30, Romanos 8:8, Gálatas 1:10 e 1Tessalonisenses 2:4. Jesus e o apóstolo Paulo sempre buscavam agradar a Deus e não homens. Não seja partidário nos relacionamentos, não deixe que sua “amizade” o impeça de falar a verdade.

Voltando para apocalipse 3.

Verso três, “recebeu e ouviu”. Jesus alerta a igreja para o que estavam recebendo e ouvindo. Deus está falando conosco hoje. Mas, também falou no passado. Não podemos jogar fora nossas origens. Quem esquece suas origens perde a identidade e se perde. Devemos olhar no espelho e aprender com o passado. Deus falou forte sobre compromisso, discipulado, amor ao próximo e levar a sério nosso compromisso com o evangelho. Nesse novo tempo, Deus tem falado sobre amor puro, liberdade cristã, graça, verdadeiro conhecimento da Palavra, humildade e tolerância. Ouça, o que o espírito diz às igrejas.

Para terminar: Verso quatro. Jesus fala de alguns que não contaminaram as vestes. Eu sou muito grato a todos os irmãos que não permitiram que falhas humanas contaminassem suas vestes, isto é, seus corações. Nossa igreja só existe hoje pela graça de Deus e por causa destes irmãos que permaneceram firmes, mesmo com toda tribulação. E juntos vamos construir uma linda família da fé.

About these ads
  1. #1 por Andréa em 26 | novembro | 2012 - 19:52

    Que benção, tomei esta palavra p/ minha vida!

  2. #2 por elias marciano em 12 | maio | 2012 - 20:29

    gostei pois ao ler a carta da igreja de sardes podemos ver que o alerta de jesus para a igreja no passado serve para a igreja do presente. muito bom…

  3. #3 por fernando antonio peixoto em 29 | fevereiro | 2012 - 9:33

    adorei a mensagem,os que se dizem evangelicos,religiosos,frenquentam os cultos todos os dias,mas fazem coisas que não agradam ao senhor,enganam o pastor, o corpo em geral, mas jesus ninguem engana.gostei muito.que a paz do senhor fiquem com voces.envie mansagens para mim,através do meu email,pode ser sermoes,gosto muito de estudar,principalmente quando o assunto é bem explicado.parabéns,o meu email é fernandoapeixoto@bol.com.br,já fui obreiro da maranata, pedi para sair,agora estou pedindo a deus para me mostrar uma igreja onede eu possa congregar.resido em bicanga serra.meu telefone para contato é 33380753,meu nome é fernando,orem por mim.se possível não deixem de enviar sermoẽs com este.será muito importante para minha edificação e para outros.aguardo.fiquem com deus.

  4. #4 por Márcia em 14 | abril | 2010 - 18:55

    Gostei muito desse estudo, na Igreja onde sou menbro estamos fazendo estudos sobre o lovro de Apocalipse, e estudando a profundo cada carta vemos Deus sempre alertando os seu Filhos a ouvi-lo e obedecer;só assim, conseguiremos passar por cima das dificuldades.
    Que Deus pois, abençoe a cada um de nós, e que estejamos atentos a ouvir a sua voz.

  5. #5 por junia xavier em 9 | setembro | 2009 - 23:43

    Alguns dos sintomas de uma pessoa morta espiritual…
    *não é frutifero
    *Cobra aquilo que não faz
    *E ja não consegui sentir a precensa do Senhor…

  6. #6 por junia xavier em 9 | setembro | 2009 - 23:38

    reflita

  7. #7 por edir em 19 | maio | 2009 - 21:45

    UM ALERTA PARA TODOS NÓS EVANGÉLICOS. MUITOS VIVEM DE APARENCIA, MAS DEUS CONHECE NOSSOS CORAÇÕES. ELE É UNICIENTE, TUDO VE.

  8. #8 por leticia em 5 | março | 2009 - 17:55

    adorei este estudo,epreciso ficar vigilande neste aspecto,pra o nada aver venha entrar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 204 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: