Pastor, eu pequei porque quis e agora? (1)


Foi na semana passada.

Ela chegou muito abatida, contou a sua história com muitas lágrimas.

Eram frases soltas. Frases que queriam continuar uma conversa que ainda não havia iniciada.

Fiquei calado.

chorando.jpg

Ela respirou fundo, abaixou os olhos mergulhados em lágrimas e com voz embargada me disse: “Pastor, eu pequei …” houve um silêncio profundo.

Ela passava a mão nos olhos, em meio a uma intensa raiva, com gestos fortes, tremendo, em meio a um pavor e culpa.

Respirava como quem está com intensa dor na alma. Silenciou.

Ela respirou. Olhou para cima, enxugando os olhos com o punho, repetiu com orgulho: “Pastor, eu pequei porque quis e agora?”

Ficou ali parada na minha frente. Com um riso fingido. Os lábios tremiam. Com um choro desesperado. Me abraçou. Como uma filha pequena abraça o pai na hora do medo. Ela pedia socorro.

Ela se sentia usada, suja, envergonhada. E, ao mesmo tempo “orgulhosa”.

Um vazio espiritual.

Ela se sentia só!!!

Dentro do meu ministério esta frase ocorre com grande freqüência. Ocorre porque temos pessoas ainda imaturas espiritualmente, e outras mais maduras. Entre os imaturos isso é freqüente.

De tempos em tempos, alguém me procura e a repete: “Pastor, eu pequei porque quis e agora?” Depois vem o “eu não sabia que era tão ruim, para mim mesmo, para os  outros e principalmente para Deus”.

Por mais que ensine, estas atitudes acabam acontecendo. Nestes anos pude perceber que esta frase é produzida em função de duas direções, das quais poderão indicar as intenções desta fala:

De (a) quem fala, fala porque tomou consciência do erro que cometeu. E, despertado de uma nova sensibilidade e entendimento de que houve uma atitude descontrolada. Atitude essa que a dominou em determinadas situações. E, ainda notou que vive escravizada pelo pecado.

Ou, (b) quem fala, fala porque tomou a decisão de enfrentar o Poder de Deus, e ainda confrontar com a Palavra de Deus. Tentando provar que a sua incredulidade e a sua rebeldia está acima dos julgamentos de Deus. Tentando desafiar os efeitos do pecado. Tentando provar que a sua rebeldia contra Deus se justifica pelos seus atos pecaminosos.

Quero lembrar de duas passagens bíblicas que nos mostram o que é o pecado:

Romanos 14:23  “…; e tudo o que não provém de fé é pecado.”

1 João 5:17 “Toda injustiça é pecado, …”

Por isso, neste momento, quero caminhar na direção daquele que tomou consciência do erro e pergunta: “… e agora?”

Daquele que está realmente preocupado com as conseqüências do pecado cometido. A Palavra de Deus nos ensina que o salário (resultado, efeito) do pecado é a morte (distanciamento, rompimento, desligamento).

Uma pessoa sensível ao Espírito Santo, não um incrédulo, sente muito forte no peito, no espírito, que algo que tenha praticado possa ser identificado como pecado. Aquilo o atormenta, pois não é a sua vontade fazê-lo. Sente que aquela atitude magoou ao Pai Celestial. E, que suas orações perdem o vigor, o poder e a sua eficácia.

Um grande desânimo o atinge. Uma depressão espiritual …

Medo e culpa, passam a aparecer nos seus sentimentos. E a humilhação e o sentimento de abandono parece ficar ainda mais forte. Bate um sentimento que podemos chamar de arrependimento”. 

Então a boca expressa o que o coração já está transbordando:  “… eu pequei …”

O sentimento da morte se instala. A sensibilidade espiritual denuncia que houve um distanciamento. E a morte é a terrível sensação de desligamento, de separação de Deus. É a quebra do acesso direto. É Deus não querendo mais falar comigo. É Deus não podendo mais falar comigo.

Uma grande barreira se levantou entre nós e o nosso Deus e nos distanciou, por causa do nosso pecado. A sua comunhão, depende da santidade dos meus atos. E eu traí a sua confiança!!

Porém, o que mais nos deixa assustados é quando admito que “… pequei porque quis …”!!???

Porque algo incontrolável lá dentro de mim, me fez ter um comportamento que sei de antemão que não é a vontade de Deus. Mas, é a minha vontade. E ainda o pior: “eu gostei do que estava fazendo, enquanto estava fazendo – me deliciei!!!”

Aí eu começo a questionar no meu coração: “será que Deus não quer que eu seja feliz?”

Aí eu volto a questionar no meu coração: “se foi tão bom e me trouxe tanta felicidade, por que fiquei com o gosto de fel no final? Por que fiquei enojado? Por que agora carrego uma horrível sensação de culpa? Por que me sinto sujo? Por que estou com tanta vergonha? Por que tenho a certeza de que estou fora da vontade de Deus? Por que preciso de ajuda? Pastor, … e agora?” 

Passo a entender que vive dentro de mim duas naturezas: a carnal e a espiritual. A carnal grita: “… eu quis …”

Faço o que “EU” quero, mas um fel invade a minha boca.

Que livre arbítrio é esse? 

Preste bem a sua atenção na sua luta, e na luta que o apóstolo Paulo viveu: Eu não entendo o que faço, pois não faço o que gostaria de fazer. Pelo contrário, faço justamente aquilo que odeio. Se faço o que não quero, isso prova que reconheço que a lei diz o que é certo. E isso mostra que, de fato, já não sou eu quem faz isso, mas o pecado que vive em mim é que faz. Pois eu sei que aquilo que é bom não vive em mim, isto é, na minha natureza humana. Porque, mesmo tendo dentro de mim a vontade de fazer o bem, eu não consigo fazê-lo. Pois não faço o bem que quero, mas justamente o mal que não quero fazer é que eu faço. Mas, se faço o que não quero, já não sou eu quem faz isso, mas o pecado que vive em mim é que faz. Assim eu sei que o que acontece comigo é isto: Quando quero fazer o que é bom, só consigo fazer o que é mau. Dentro de mim eu sei que gosto da lei de Deus. Mas vejo uma lei diferente agindo naquilo que faço, uma lei que luta contra aquela que a minha mente aprova. Ela me torna prisioneiro da lei do pecado que age no meu corpo. Como sou infeliz! Quem me livrará deste corpo que me leva para a morte? Que Deus seja louvado, pois ele fará isso por meio do nosso Senhor Jesus Cristo! Portanto, esta é a minha situação: No meu pensamento eu sirvo à lei de Deus, mas na prática sirvo à lei do pecado.” Romanos 7:15-25

“ … e agora?”

1 João 1:9 “Mas, se confessarmos os nossos pecados a Deus, ele cumprirá a sua promessa e fará o que é certo: Ele perdoará os nossos pecados e nos limpará de toda maldade.”

 

Eu preciso confessar à Deus e não aos homens. Primeiro, reatar a minha comunhão com o Pai. “Pai, pequei contra ti …”

 

Eu preciso, depois da minha confissão, buscar quem eu ofendi. Esta tarefa é a mais difícil. Requer muitas vezes de humilhação. Me humilhar. E, ainda perdoar.

 Observe como Paulo explica esta situação: “Agora já não existe nenhuma condenação para os que estão unidos com Cristo Jesus. Pois a lei do Espírito de Deus, que nos trouxe vida por causa da nossa união com Cristo Jesus, livrou você da lei do pecado e da morte. Deus fez o que a lei de Moisés não pôde fazer porque a natureza humana era fraca. Deus condenou o pecado na natureza humana, enviando o seu próprio Filho, que veio na forma da nossa natureza pecaminosa a fim de acabar com o pecado. Deus fez isso para que as ordens justas da lei pudessem ser completamente cumpridas por nós, que vivemos de acordo com o Espírito de Deus e não de acordo com a natureza humana. Porque os que vivem de acordo com a natureza humana têm a sua mente controlada por essa mesma natureza. Mas os que vivem de acordo com o Espírito de Deus têm a sua mente controlada pelo Espírito. Os que têm a mente controlada pela natureza humana acabarão morrendo espiritualmente; mas os que têm a mente controlada pelo Espírito de Deus terão a vida eterna e a paz. Por isso os que têm a mente controlada pela natureza humana se tornam inimigos de Deus, pois eles não obedecem à lei de Deus e, de fato, não podem obedecer a ela. Os que vivem de acordo com a sua natureza humana não podem agradar a Deus. Vocês, porém, não vivem como manda a natureza humana, mas como o Espírito de Deus quer, se é que o Espírito de Deus vive realmente em vocês. Quem não tem o Espírito de Cristo não pertence a ele. Romanos 8:3-9

O que é o pecado? É uma afronta à Deus. É ofender a Deus.

Como? Através dos nossos relacionamentos pessoais ofendemos à Deus quando o negamos, quando o maltratamos, quando o desprezamos.

O que precisamos é do arrependimento sincero. A verdadeira tristeza que provém de Deus produz arrependimento autêntico. Acarreta mudança de vida, não apenas lamento (mero remorso!)

Então, pense comigo, qual é o pecado que devo confessar?

Então, confesse …

Qual é a atitude que devo mudar?

Então, mude …

Você está precisando de ajuda? Me escreva …

About these ads
  1. #1 por David em 14 | julho | 2013 - 9:09

    Sou cristão porém um pouco afastado com isso o pecado me vem a tona Masturbo e sinto me mal quando isto ocorre. Tento parar por um tempo e volto a pratica tenho 49 anos e desde os 17 faço deste artificio desde então. Fui casado 5 anos e hoje estou separado ja tem 5 anos

  2. #2 por lucas em 8 | janeiro | 2013 - 3:06

    saiba que ajudou a levar uma alma perdida de DEUS para de volta dele

  3. #3 por Elizama em 26 | dezembro | 2012 - 0:32

    Muito obrigada pastor foi de muito conforto pra mim suas palavras sinto que mesmo sendo falhos e pecadares a sempre um Deus no céu esperando um coração quebrantado e arrependido pronto para lhe pedir perdão, estava muito abatida por ter pecado e me sentia triste e pecaminosa com vergonha de Deus mais realmente pedi perdão me perdoei tbm pelo que fiz e agora quero seguir em frente sem olhar para traz e fazer somente oque agrada ao senhor valeu pastor que Deus te abençoe

  4. #4 por Leonardo F Nascimento em 27 | novembro | 2012 - 14:07

    Muito bom este texto, caiu como uma luva para mim, obrigado. Deus lhe abençoe.

  5. #5 por kecia em 30 | outubro | 2012 - 10:17

    gostei preciso de um socorro. d deus

  6. #6 por TATIANE SANTOS em 10 | outubro | 2012 - 10:54

    ESSA PALAVRA ME ABENÇOOU MUITO! EU ME ENCONTRO NESSA SITUAÇÃO. 12 ANOS DE CRISTÃ, SEMPRE LUTANTO CONTRA O PECADO, E RECENTEMENTE CAÍ NO PECADO DA FORNICAÇÃO COM UMA PESSOA QUE DIZ SER CRISTÃO, MAS EU VI QUE NÃO É PORQUE ELE NUNCA LUTOU JUNTO COMIGO CONTRA , PELO CONTRÁRIO E NÃO É DE ACORDO COM O ABANDO DESSA PRÁTICA. EU NÃO ME SENTI BEM E POR MAIS QUE TENHA DOÍDO EU ROMPI COM ELE E ESTOU BUSCANDO VOLTAR A MINHA VIDA COM DEUS, A MINHA SANTIDADE, DE ONDE EU NUNCA DEVERIA TER SAÍDO! ESTÁ DOENDO MUITO, POIS JÁ SINTO AS CONSEQUÊNCIAS DESSE PECADO. MAS EU SEI QUE UM CORAÇÃO QUEBRANTANDO E CONTRITO DEUS NÃO DESPREZA. EU AINDA ME ENCOTRO NA IGREJA SIM, NÃO SAÍ NÃO E JAMAIS SAIREI EM NOME DE JESUS!

  7. #7 por iris em 3 | setembro | 2012 - 21:09

    Amei as palavras! Que Deus te abençõe e te guarde sempre Pastor!!! Deus esta falando mesmo!!! Espada de dois gume é a Palavra de Deus!!!

  8. #8 por Marian em 12 | agosto | 2012 - 18:50

    preciso de ajuda.mesmo. estou mal.

  9. #9 por Carlos Henrique em 12 | junho | 2012 - 9:51

    Nossa! Realmente eu estou impressionado com os comentários que li aqui. E sabe o que vejo, o desespero das pessoas de quererem servir a Deus e serem santos.. E apesar de tanto pecado eu vejo as pessoas rasgando o coração aqui.. Em parte fico triste por tanta ignorância e em parte me alegro pois as pessoas querem mudança.. Eu também quero! Preciso de Deus.. Eu sei que não é fácil vencer as tentações, eu por várias vezes caí em pecados e achava que não tinha mais solução, mas o Senhor por Sua misericórdia sempre me dava novas oportunidades. Tenho 18 anos e desde os 15 anos eu tinha relações sexuais ativas, de várias formas, com várias pessoas, vivia uma vida de pecado e destruição.. Na verdade eu aceitei a Jesus com 14 anos e logo fui batizado nas água e com Espírito Santo, eu virei “o santo”.. Eu achava que jamais iria pecar, que tinha sido liberto, e acabei virando um critico, com 14 anos dava sermões e falava de Deus com muita ousadia para um moleque, e realmente era isso que eu era, um moleque esperto, temente a Deus, mas não tinha conhecimento da Palavra e logo caí.. E quão grande foi minha queda! Me desviei completamente da presença de Deus… Virei o terror… coisas que antes não fazia eu passei a fazer, o diabo fez de mim um boneco.. Mas essa queda foi por causa de um erro, por causa do meu pecado de estimação, aquele que não podia viver sem ele, aquele que me acusava… Continuando… Eu com 16 anos não aguentei ficar sem a presença de Deus, depois que se experimenta de Deus não tem jeito, sua vida muda completamente mesmo estando desviado. Eu não aguentei, sozinho no meu quarto comecei a chorar e me reconciliei com Deus.. Pronto! Agora eu virei o santo novamente?! Não… Eu fui me rastejando, me humilhando… E agora era pior, eu tinha várias alianças de sangue; mas eu disse Senhor não desisti de mim não, eu vou capengando, me arrastando, mas eu vou! Estava decidido a não desistir como na primeira vez. E assim foi… Eu fui, as poucos a Palavra do Senhor foi me libertando e ainda esta, por várias vezes eu caí.. várias e várias… me sentia mal, sujo, pensava em desistir, mas eu dizia “Não, você não vai me vencer”.. Eu amava a Deus e tudo mais apesar das minhas quedas e Ele me ama também, não é atoa que estou aqui! Rsrs .. Mas eu aprendi uma coisa nisso tudo “Sem santidade ninguém verá a Deus” Esse trecho da bíblia foi definitivo para minha mudança; Sem santidade ninguém vera a Deus, antes ninguém via Deus na minha vida, pois não era santo ; Antes nada acontecia na minha vida, tudo ficava parado, hoje eu posso ver Deus na minha vida pelas minha bençãos e vitórias.. Você também que ver Deus trabalhar em sua vida? Seja santo, porque Deus é Santo! Mude, lute, vença, chore, grite mas não desista nunca.. Siga em frente, mas não seja leviano. Não espere Deus vir com uma varinha mágica e fazer “pirimpimpim, seja santo”.. Busque você sua santidade com o Senhor! Hoje eu posso ver Deus, no que Ele tem feito cmg, por suas promessas se cumprindo em minha vida, pelos grandes livramentos, na minha família; E o melhor, as pessoas veem Deus em mim! E não acaba não, todos os dias eu tenho que lutar, a batalha é grande, mas a vitória é certa… Dica: Joelho no chão, jejum e oração & comer muito a bíblia!

  10. #10 por bianca em 2 | junho | 2012 - 10:07

    pastor sou batizada conheço as leis de deus jah aceitei jesus fiquei firme na igreja mais cometi um pecado mesmo sabendo q era errado e eu ainda prometi pra deus e não cumpri tou muito ma
    l com tudo isso preciso de ajuda…

  11. #11 por Rafael Motta em 31 | maio | 2012 - 6:21

    sou rafael de 12 anos de idade OBG pastor precisava dessa palavra com DEUS agora sei da verdade vou me ajuelhar e orar a DEUS pra ele perdoar meus i o pecado dos outros

  12. #12 por Bruno em 18 | março | 2012 - 22:30

    Bela ajuda, muito obrigado PAI, fui fraco, pequei conscientemente e me arrependo agora nessa angústia dolorosa, perdoe me PAI, e ao mesmo tempo muito obrigado por me mostrar como sou “inexistente” longe de ti!

  13. #13 por Gabriel Moreira Araújo em 10 | novembro | 2011 - 21:17

    Obrigado pela palavra de consolo…

  14. #14 por F. em 17 | agosto | 2011 - 15:24

    A paz do Senhor, pastor. Preciso de ajuda. Peço que me adicione no msn. Preciso de ajuda URGENTE.

  15. #15 por anonimo em 14 | agosto | 2011 - 1:45

    A Paz,pastor!
    Pastor me ajude,minha alma não aguenta mais os deslizes da carne.Venho pecando muito,pratico masturbação,algumas vezes consigo me segurar por dias,mas hoje por exemplo depois de 6 dias pequei novamente,e intensionalmente,o que é mais abominante.
    Sei que Deus apesar de me perdoar,irá se entristecer.Quero que esse remorso se torne um arrependimento e não venha mais a praticar esse ato.Que momentaneamente é “prazeroso”,mas depois vem uma tristeza absurda.
    Pastor se tiver alguma coisa ao seu alcance,me ajude por favor!

  16. #16 por .... em 5 | agosto | 2011 - 20:56

    pastor sou membro de uma igreja sou batizado e remido no sangue de jesus, mas nesse ultimo fim d semana fim algo q ate agora não sei pq fiz não consigo tirar esse sentimento de culpa com Deus.
    tenho duas amigas não evangelicas ambas tem seus namorados mas infelizmente esse fim d semana sairmos e para comer um lanche e elas sempre falando d ir ao motel e tudo mais, e na volta ela mandaram eu entrar no motel e tudo mais que queriam conhecer e tals e eu fui entrei com elas mas não fizemos nada, pelo contrario la ficamos brincado “zuando”, e naõ nos bjamos ou fizemos sexo.
    mas esto seila muito trriste pelo que fiz num sei por onde começar orei pedi perdao a deus mas sinto uma armargura em meu coração.
    o que faço;
    esto orando.

    • #17 por Artenisia em 11 | outubro | 2012 - 15:31

      querido, peça pra que Deus gere em você o verdadeiro arrependimento, pois a Biblia fala que o Espírito Santo nos conduz ao verdadeiro arrependimento e nos atrai para si.

    • #18 por dfghdgh em 20 | dezembro | 2012 - 20:38

      Olha colega, teu arrependimento foi puro. Você cometeu um ato que te levou a estar em um local de propensões sexuais e ficou contando piadas e sei la o que mais com essas duas meninas… Com a Graça de Nosso Senhor você foi preservado, mas o que aconteceu podia ter sido pior…
      Fique em paz pois as tuas orações foram ouvidas, pois você compreendeu que pecou e confessou.
      Quem confessa e abandona um pecado, alcança misericórdia aos olhos do Senhor.
      Eu lhe desejo que encontre Paz na única fonte disponível: O Amor de Deus.

  17. #19 por Thaianne em 5 | agosto | 2011 - 18:24

    Pastor eu escrevo pedindo ajudsa ou uma palavra pq eu pequei com meu namorado fizemos sexo eu to arrependida eu temo ao senhor tenho compromisso mais ainda não consegui vencer esse mal na minha vida eu não sei mais o q fazer me ajuda em oração por favor só Deus sabe a cinseridade do meu coração mais eu creio q eu vou sair dessa q Deus abençoe vc pastor ..

  18. #20 por Val em 1 | agosto | 2011 - 1:15

    Pastor sou da CCB namoro a 3 anos e tiva relaçao sexual com meu namorado me arrependi muito pq na minha igreja fala que este pecado nao tem perdão, estou angustiada ja pedi perdao a Deus nao sei se ele vai me perdoar um dia, agora domingo é santa ceia na minha igreja estou com medo de tomar pq la fala se tomar a santa ceia sera pra minha condenaçao e nao pra minha salvaçao porque eu pequei e agora o que eu faço, se eu nao tomar a santa ceia meus pais vao saber que eu pequei e meu pai pode ate me expulsar de casa.

    • #21 por arthur em 8 | maio | 2012 - 23:16

      Olá, paz do senhor. Sou um homem, e também sou pecador, li seu comentário e seu pedido de ajuda, sei que não sou pastor. Mas minha irmã, não existe pecado que não possa ser perdoado. Lembre-se: embora o pecado nos afasta de Deus, Jesus sempre nos amou e sempre nos amará, mesmo pecando, pois o amor dele é incondicional. Peça ajuda. Deus te abençoe.

    • #22 por ADRIANO BONFOGO em 1 | junho | 2012 - 22:09

      A PAZ VAL! VEJO QUE VC SE ARREPENDEU E ISSO É MUITO BOM, OLHA A BIBLIA DIZ QUE OQUE SE ARREPENDE E DEIXA ALCANÇARA MISERICORDIA. DEIXA O PECADO PRA TRAZ DE VC E CAMINHA PARA O ALVO VIGIANDO MAIS E MAIS PORQUE ESTAO FALANDO QUE NAO TEM PERDÃO, ESTAO EQUIVOCADOS Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.
      1 João 1:9 FIQUE COM ESSA PALAVRA E FIQUE NA PAZ .

  19. #23 por Alysson Rodrigo de Oliveira em 26 | julho | 2011 - 15:47

    Não ignore meu texto por ser grande por favor.

    Pastor, eu tenho 15 anos e estou numa situação muito parecida.

    Eu sou batizado nas águas e no Espírito Santo. Nas águas a 1 ano e 5 meses.
    Eu sempre via coisas ilícitas na internet ( não gosto de falar mais começa com Po). E não consegui deixar completamente. Mesmo na igreja a cada um ou dois meses eu voltava nisso.

    Até que há um mês eu me atrasei pra ir pra escola dominical, resolvi não ir e fui mexer no computador. Então deu vontade de ir ver vídeos que eu não devia ver, e simplesmente fui. Até uma voz veio a minha mente pra eu não fazer. Mas eu fiz. Eu vi um vídeo(não foi de sexo, e sim masturbação mas não vejo diferença).

    Depois que eu saí do computador já veio uma voz em minha mente que nem adiantava mais pedir perdão. Mas mesmo assim eu pedi mas não sei se foi sincero. Na quinta-feira depois disso o pastor pregou sobre pecado(não sei se foi na quinta). De sábado para domingo eu não dormi porque pensei que tinha blasfemado contra o Espírito Santo e estava sem perdão.

    Uma semana depois daquele domingo fui à Escola Dominical e ansioso a escola inteira, depois falei com meu líder dos adolescentes e falei a ele meu pecado. Chorei e falei com Deus pra me perdoar e não deixar mais que eu entristeça ele assim.

    Depois disso ainda me sentia não perdoado, fiquei a semana inteira sem dormir, meus pais que são novos convertidos, meus filhos na fé, ficam sem saber o que fazer pois perguntava se tinha perdão a eles. Minha mãe era desviada, afastada e lidava melhor com a situação. Meu pai(padrasto) antigo católico já não tinha tanta sabedoria.
    Minha mãe falou que tava pensando que achava que não era só aquilo que eu tinha feito pra estar assim. Então falei para meus pais um monte de pecado que já havia cometido.

    Foi uma semana dormindo mais ou menos 2 horas, ou quase nem isso. Nessa semana procurei mais de 10 pessoas para perguntar se eu tinha perdão. Depois que eu comecei pensar que tinha perdão e já estava perdoado pensei que tinha pecado contra o Espírito Santo. Até que uma irmã de Florianópolis me explicou que pessoas que pecaram contra o Espírito Santo não se sentem culpadas pois é Ele quem convence do pecado. Deus a usou para interpretar um sonho que tive naquele dia quando dormi por 1 hora. Naquela semana eu estava sem comer, era como se algo empurrasse da minha boca a comida. Uma parte do sonho foi que tinha uma mão apertando meu estômago. A interpretação era a confirmação de uma revelação que tinham feio uma macumba para mim. Ela orou e desde então consigo comer.

    Daquele dia, 16-07, consegui dormir. Ainda com o coração pesado e com uma dúvida referente a palavra de Deus, em Hebreus 10:26.
    Eu procurei estudo sobre esta palavra e vi que esse pecado é a apostasia, abandono da verdade, daí veio pensamentos que eu era um apostata. Mas eu nunca abandonei a igreja e nem a fé. Eu só pensava que não tinha mais perdão.

    Desde uma semana depois que pequei, desde a primeira noite que fiquei sem dormir, me sinto sozinho, como se tivesse algo faltando em mim. Pois eu gostava e ainda gosto(mas não sinto) a comunhão com Deus.

    Eu me arrependi e nunca mais quero fazer aquilo, só não peço para jogar o computador fora porque eu faço técnico em informática.
    Mas eu não paro de pensar nisso e antes de ontem eu fui dormir muito tarde com a angústica voltando.

    Eu nunca mais quero ver aquilo, mas não tenho certeza se meu arrependimento é verdadeiro porque eu ainda me sinto culpado.

    Eu pequei sabendo que era errado. Eu não quero parar de servir a Deus, nem de ir na igreja e não vou. Todos que eu procurei dizem que eu tenho perdão, aliás que já está no Mar do Esquecimento meu pecado.

    Fica uma pergunta: Se Deus não me perdoou, ele repreenderia a obra de macumba pela oração da sua serva, de uma pessoa que ele não quer mais?
    Vai fazer um mes ou já fez que eu estou assim.

    Eu ja orei e já chorei. Mas a sensação ruim não sai. E todos dizem que eu tenho perdão. Eu sei e creio que Deus perdoa, esse vazio me faz pensar que não tenho.

    Só Deus pode me ajudar e perdoar, mas peço-te que me ajude, pois estou cansado disso tudo?

    A Paz de Jesus Cristo e que Deus abençoe sua vida. Me envie um email ou responda por aqui se quiser, ou me adicione no MSN com o mesmo email.

    • #24 por gabriel em 26 | dezembro | 2011 - 20:03

      A paz tbm passo por essa situação..ate quebrei meu pc..e não é que vc não recebeu perdão..é que vc nao o aceita..pois tem medo de cair outra vez e nao tem certesa que pode largar esse pecado..Deus te ama..não existe isso de não te querer mais,pecado contra o Espirito Sant oé quando vc blasfema dele..duvida do seu poder..se vc duvidar que ele te perdoua isso sim é pecado ocntra ele..a palavra fala que Jesus é o medico dos medicos,que quem precisava dele era os pecadores,se ele diz em joão 14:16 que enviara outro consalador que é o Espirito Santo,significa que o Espirito Santo é que nem ele veio pros pecadores,pois esta escrito que nao é por força e nem violencia e sim pelo meu Espirito de Deus,entao aceita que ele abita em vc que ele vai te livrar do pecado e nao vc mesmo,vc nao pode sair do pecado por se so,e sim quando entende que nao esat sosinho que tudo que ta na palavra vai se cumprir que Jesus é o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo e nao vc,e sim ele..fica co mpaz ,pq o acusador da nossa alma é o diabo..Deus nao te abandonou..so que quando pecamos nus afastamos,so que o diabo ta te anganando pra fazer co mque vc nao voute pra perto do unico que pode te ajudar a vencer esse pecado,que é o Espírito Santo,o seu consolador! me add no msn se precisar de conversar : gabrielmiaujf@hotmail.com

  20. #25 por samuel em 25 | julho | 2011 - 1:48

    Pastor!!acabei de pecar contra Deus me masturbando…e agora tenho medo de perder tudo,pois não é a 1 vez q fiz isso…Agora me sinto um inutil pra Deus,pq Ele me faz feliz sempre,e em troca eu peco…É nessas horas que me sinto um idiota,sem valor,mesmo pedindo perdão pra Deus…Me ajuda???

  21. #26 por Alice em 20 | julho | 2011 - 10:30

    Pr. preciso de ajuda, por favor me mande seu e-mail através do meu e-mail para eu relatar o que preciso… att

  22. #27 por Marcus em 15 | julho | 2011 - 0:54

    Pastor, Boa Noite
    Sim, pequei!!! Estou como sr disse envergonhado, enojado e etc (tudo de ruim)
    Fiz consciente o que é pior….
    Que DEUS possa me perdoar …..
    Fiquei tão perto de DEUS a poucos anos e agora estou tão longe…..
    quero novamente sentir o cheiro de DEUS em meus dias, em minha vida…
    Me ajude, por favor me oriente. Aguardo um email
    Obrigado……

    A Paz!

  23. #28 por vinicius em 8 | julho | 2011 - 16:41

    Pastor, pequei e continuo a pecar…
    Sou batizado nas águas e no Espiríto Santo, mas as vezes a vontade da carne fala mais alto.
    Não consigo nem jejuar da maneira que agrada à Deus, sinto vontade de conhecer mais e mais à Deus, mas quando estou forte, me encontro fraco.
    A Palavra nos diz que devemos ter mentes e mãos limpas e puras, mas minha mente vive cheia de pensamentos sensuais….
    Peço perdão à Deus, mas em duas semanas estou caindo no mesmo erro!!!
    Me ajude!
    Que Deus te abençoe poderosamente.

  24. #29 por Jeff em 1 | julho | 2011 - 11:24

    Querido Pastor, que o Senhor Jesus sempre possa te usar poderosamente, pelas as experiências que foram relatadas aqui, vejo a importancia de se preservar até o casamento, depois de ler estes depoimentos senti um profundo arrependimento e a minha alma começou a ser confortada pelo Espírito Santo….Que este sentimento possa habitar no meu coração até o casamento.
    Grande Abraço Deus abençoe

  25. #30 por Joana em 25 | junho | 2011 - 12:37

    Pastor graça e paz!eu estou muito mal.Uma colega minha de sala que não é evangélica me chamou para uma festa e eu só negando e a tentação cada dia ficava pior,além q eu estou muito fraca espiritualmente,quando foi no dia da festa eu menti para minha mãe e fui á casa de uma amiga e menti muito para a mãe dela também para ela deixar agente ir só q ela ñ deixou.Ao final eu não fui a festa mais agora eu estou me sentindo muito mal e não sei se Deus pode me perdoar pois eu estava fazendo tudo consciente que era errado!Eu preciso de ajuda!

  26. #31 por Wesley em 11 | junho | 2011 - 0:59

    Pastor, preciso muito de tua ajuda.
    Sou solteiro, mais tenho promessas para o Senhor, conforme o dito a mim, atráves de Homen de Deus !
    Mais eu nao consigo deixar de ver pornografias, e fiz sexo, pensei qe havia me arrependido e cometi o msm erro, nao a mtus dias.
    Sou músico, toco na igreja, estou em uma nova congregação !
    Só qe eu sinto qe me arrependo, mais volto a praticar, preciso de ajudar Pastor, eu cai aqui nesse site, procurando ajuda, porque estou muito angustiado, triste, confuso !
    Pastor me dê respostas, se possivel vamos conversar constantemente !
    Se o Pr, puder me adc nesse email !
    Deus o abençõe !

  27. #32 por may em 9 | junho | 2011 - 22:18

    Oi pastor……..estou na igreja há2 anos, dia 24 de abril me batizei…..fui com meu namorado para a igreja ele ja tinha o conhecimento da palavra e estava afastado…………mais agora pecamos……..e ele nao quer se casar……….eu temo a DEUS e sei que nao é o certo…….mais eu amo meu namorado…………..e fico triste so de pensar em terminar com ele………..Pq penso que Deus possa ver e muda-lo………………

  28. #33 por ari em 2 | junho | 2011 - 14:58

    Boa tarde! Estou com algums problemas e gostaria de esclarecer algumas perguntas,poderia me mandar seu email por favor.

  29. #34 por jacqueline em 28 | maio | 2011 - 14:01

    a Paz do Senhor .
    Pastor eu sempre fui Católica e confessava 1 ou 2 vezes ao ano com o Padre da minha paróquia . Eu tinha relações sexuais com garotos que meus pais nem conheciam .Mas o Padre sempre dizia , que hoje em dia não se pode colocar tudo a ferro-e-fogo , ou seja , eu não tive o sermão que procurava .
    Eu era catequista , estava com 16 anos . Hoje tenho 18 .

    Há 2 meses me convertí à Igreja Evangélica ,porém continuei pecando ( agora com meu atual namorado ) . Pedí a Deus um sermão então . Pensamos que estava grávida . Conversamos , conversamos … e eu não iria tirar esse bebê . Meu namorado fez promessa de não ter relação sexual por 40 dias . Ao 30º dia , pecamos ! obs : acho que não é gravidez .

    Orei , orei … e agora consigo me controlar ! Eu sinto que o Senhor Celestial que acalma , me ajuda a não cometer esse erro novamente . Mas minha consciência pesa ainda , e muito !! Os pais dele viram nossas intimidades . Estou morrendo de vergonha . Desrespeitei a presença deles , a casa deles , o filho deles , à mim mesmo … e ao Pai .
    Conversei com meu namorado , mas ele tenta me tranquilizar dizendo que ninguém se lembra de nada . Por várias vezes isso aconteceu . Eu quero perdão , mas não sei se mereço .

    Podería me dizer algo ? Por favor ?
    Ontem eu pedí tanto a Deus … mas me sinto mal . Pode me responder por email ? Grata

  30. #35 por josy em 26 | maio | 2011 - 14:43

    Pastor, preciso de um socorro espiritual, pequei estou mal…..Sai da igreja.Me ajude. estou sem forças, para voltar, não consigo. me add no msn.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 202 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: